Detran e Médicos de Tráfego se unem para reduzir vitimados no trânsito

IMG_3838

IMG_3842

IMG_3839

IMG_3850

Reduzir o número de vitimados no trânsito foi o tema abordado pelo Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA), durante a II Jornada de Medicina de Tráfego, realizada no último final de semana (20 a 22 de maio), no auditório da Associação Bahiana de Medicina (ABM), em Salvador. O encontro, que teve o intuito de atualizar e qualificar os médicos responsáveis pela avaliação de condutores, deu continuidade às ações alusivas ao movimento internacional de atenção pela vida, o “Maio Amarelo”.

O diretor-geral do Detran-BA, Lúcio Gomes agradeceu o apoio da Associação Baiana de Medicina do Tráfego (Abamet), e destacou a importância de ter como parceira, uma entidade que está diretamente ligada à saúde no trânsito. “A avaliação médica identifica se o condutor está apto ou não para acessar as vias, por isso, é tão importante que os médicos passem por capacitações constantes como esta, e colaborem com a preservação da vida. Na outra ponta, investimos em fiscalização e educação para o trânsito. Unindo essas ações, com certeza, teremos um trânsito mais seguro”, destacou Gomes.

A jornada, promovida pela Abamet pelo segundo ano consecutivo, acontece sempre no mês de maio, como parte da programação do “Maio Amarelo”. “Este é um mês em que todos os órgãos se unem pela mesma causa. Aproveitamos o momento para promover a reflexão, reciclar conhecimentos e manter o intercâmbio científico entre os médicos do tráfego, para que eles colaborem com a redução de mortes no trânsito, vista como um problema de saúde pública”, afirmou o presidente da Abamet, Antonio Meira.

Fonte: ASCOM DETRAN-BA