Seja bem-vindo! Hoje é: quinta, 23 de Maio de 2024

Abramet é designada membro da Câmara Temática de Saúde para o Trânsito (CTST) e participa da cerimônia de posse realizada pelo Contran

| Notícias

A Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet) participou do evento de apresentação das Câmaras Temáticas do Conselho Nacional do Trânsito (Contran), instituídas para assessorar o órgão federal na formulação de políticas públicas focadas na regulação e fiscalização do trânsito. A cerimônia de posse aconteceu na manhã desta segunda-feira (27), na sede da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), vinculada ao Ministério da Infraestrutura, e reuniu representantes dos diversos órgãos e instituições com assento nos colegiados para o biênio 2022/2024. Durante a tarde, houve reunião ordinária da Câmara Temática de Saúde para o Trânsito (CTST).

“Essa é uma oportunidade de importante contribuição da medicina do tráfego e mais um reconhecimento da importância da nossa especialidade para a preservação da vida no trânsito”, comentou Antonio Meira Júnior, presidente da Abramet. “Preservar a vida e prevenir sinistros são as razões de existir da entidade. Temos colaborado com o poder público ao longo de 41 anos de atuação e seguiremos trazendo conhecimento científico atualizado e os alertas necessários para construirmos uma mobilidade segura e saudável no Brasil”. O dirigente veio à capital federal para a instalação da comissão.

“Para nós é um espaço de diálogo estratégico, com vistas a orientar políticas públicas que fomentem a redução do sinistro automobilístico e avanços na prevenção”, afirmou o diretor científico da entidade, Flávio Emir Adura, que participou do evento de forma remota. “A Abramet tem produzido vasto conteúdo científico para a valorização e atuação do médico do tráfego na habilitação de condutores” e será muito oportuno apresentar esse trabalho aos demais membros da CTST”.

Além do presidente e do diretor científico da ABRAMET, o evento contou com as presenças do Secretário Nacional de Trânsito, Frederico Carneiro; e do diretor-geral da ANTT Davi Ferreira Gomes Barreto. O CONTRAN instalou seis câmaras: a de Saúde para o Trânsito (CTST); a de Esforço Legal (CTEL); a de Educação para o Trânsito (CTEDUC); a de Assuntos Veiculares; Ambientais e Transporte Rodoviário (CTVAT), a de Gestão e Coordenação do Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (CTPNAT) e a de Engenharia de Tráfego e Sinalização de Trânsito (CTET).

A entronização das câmaras técnicas do CONTRAN envolveu, ainda uma visita técnica à sede da OPAS/OMS na capital federal. Os membros da Câmaras Temáticas de Saúde e os da Educação participaram da atividade.

As Câmaras Técnicas do CONTRAN têm como missão discutir e identificar subsídios técnicos e científicos para orientar e embasar decisões do Contran. Cada câmara é constituída por especialistas representantes de órgãos e entidades executivos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios, em igual número, pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito; assim como instituições da sociedade civil convidadas.