Seja bem-vindo! Hoje é: domingo, 21 de Abril de 2024

Com amplo espaço na mídia, Abramet alerta população para a mobilidade segura durante o Maio Amarelo

| Notícias

O trânsito é uma das principais causas de óbito no País, acumulando indicadores que configuram uma verdadeira epidemia de mortes e, também, de sequelas. Reverter este cenário e induzir a construção de uma mobilidade segura e saudável é o que deu origem à Medicina do Tráfego e pauta a atuação da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), que tem usado toda a sua credibilidade e visibilidade para alertar a população sobre a prevenção ao sinistro de trânsito.

Durante o Maio Amarelo de 2022, a entidade mobilizou a imprensa brasileira em uma verdadeira cruzada pela preservação da vida no trânsito, mostrando os principais riscos de sinistros e colocando a mobilidade segura na pauta nacional. Ao longo de todo o mês, a Abramet protagonizou cerca de 1 mil notícias, disseminadas por veículos de todos os meios – impressos, eletrônicos e online – em âmbito nacional e também regional; que levaram a mensagem da instituição em torno da prevenção de sinistros e das condutas que podem colocar a vida em risco no trânsito.

O resultado da exposição do Maio Amarelo na mídia nacional foi um dos pontos discutidos durante a cerimônia de encerramento da campanha em Brasília, promovida pela Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran). O evento contou com a presença do presidente da Abramet, Antonio Meira Júnior.

“Informação salva vidas e por isto o Maio Amarelo é uma campanha de grande relevância! Sempre participamos para reforçar junto ao brasileiro a necessidade de construirmos um trânsito mais seguro e saudável. Defender a vida, conscientizar as pessoas e orientar políticas públicas são missões indelegáveis da Abramet”, comentou.

TEMAS DE ALERTA – Nas reportagens, os porta-vozes da Abramet concentraram esforços para alertar a população principalmente sobre os riscos do uso do celular na direção. Durante o mês, a entidade divulgou mostrou que, cada hora, quase 30 condutores são flagrados utilizando o celular ao volante. O consumo de álcool antes de dirigir também foi outro destaque durante o mês, em razão do julgamento da Lei Seca no Supremo Tribunal Federal.

Entre os veículos que repercutiram os argumentos da entidade estão os jornais Folha de S.Paulo e O Estado de S.Paulo e outros de circulação regional. Os principais veículos on-line também abordaram o tema, como a Agência Brasil e os portais G1 e UOL. As rádios BandNews FM, CBN e Jovem Pan (rádio e TV) e as redes Globo, Globonews, SBT, Record e CNN de TV também abriram espaço na programação para debater o trânsito no Brasil.

 MAIO AMARELO – O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para redução mortes e lesões graves de trânsito. O objetivo das ações vinculadas ao movimento é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada, para efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento.

O diretor de Relações Institucionais da entidade organizadora do movimento no País, o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), Francisco Garonce, destacou que o apoio de entidades como a Abramet tem sido fundamental para o bom êxito do Maio Amarelo ano após ano.

“Quando se fala em parceria, é preciso lembrar que a Abramet sempre foi uma entidade que apoiou esse movimento, porque seus objetivos são exatamente os mesmos, ou seja, reduzir mortes e lesões graves no trânsito. Os médicos do tráfego são responsáveis por verificar a capacidade de cada condutor para estar ocupando aquele espaço. Portanto, esse alinhamento entre a Abramet e o ONSV existe desde o início do movimento e especialmente em 2022 esse apoio ficou muito claro”, disse.