Com prêmios, Abramet reconhece contribuições decisivas para o fortalecimento da medicina do tráfego no Brasil

A solenidade de abertura do XIV Congresso Brasileiro de Medicina do Tráfego também foi palco da entrega do Prêmio Hilário Veiga de Carvalho e do Troféu Nils Bohlin. Criadas pela Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), como forma de estimular a excelência da medicina do tráfego e destacar aqueles que tenham contribuído para a construção de avanços na prevenção de sinistros e o fortalecimento da especialidade, as duas láureas são entregues a cada dois anos. Em 2021, as distinções foram destinadas a parlamentares federais com notável atuação em defesa da vida no trânsito e a integrantes da diretoria da Abramet que se destacaram pela defesa da especialidade e sua importância.

Instituído em 1999 e inspirado no professor Hilário Veiga de Carvalho, médico brasileiro visionário que estabeleceu a medicina do tráfego no Brasil e fundador da Abramet na década de 80, o Prêmio Hilário Veiga de Carvalho foi concedido ao presidente da Frente Parlamentar Mista da Medicina da Câmara dos Deputados, deputado federal Hiran Gonçalves. O parlamentar teve contribuição decisiva ao reconhecimento do médico e do psicólogo do tráfego como profissionais mais qualificados para a aplicação do Exame de Aptidão Física e Mental (EAFM) na concessão e renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) durante a recente revisão do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) pela Câmara dos Deputados.

“Sou testemunha do trabalho que vocês fizeram no decorrer desse tempo, em que aperfeiçoamos o Código. Vocês [Abramet e Abrapsit] foram incansáveis”, afirmou o deputado, em breve discurso. Acompanhado por dois filhos que estudam medicina, Hiran Gonçalves é ortopedista e especialista em medicina do tráfego. “Vocês foram exemplo de uma luta que deu certo. Hoje a medicina e a psicologia do tráfego estão consignadas em lei, nenhuma outra especialidade conseguiu isso”. Gonçalves recebeu o prêmio das mãos do presidente da Abramet, Antonio Meira Júnior.

Relator do projeto 3.267/2019 na Câmara dos Deputados, cujo substitutivo assentou os paradigmas para uma modernização da lei sem retrocessos, o deputado Juscelino Filho foi agraciado com a premiação, também em reconhecimento à contribuição decisiva de sua atuação para preservar a medicina do tráfego na nova redação do CTB. A deputada federal Christiane Yared também foi homenageada com o Prêmio Hilário Veiga de Carvalho por seu engajamento. A láurea foi entregue pelo presidente de honra do XIV Congresso, Egas Caparelli.

Reconhecimento pelos pares – Instituído pela Abramet em 2017, o Troféu Nils Bohlin é inspirado no engenheiro sueco que há 54 anos criou o cinto de segurança de três pontas, revolucionando a segurança rodoviária. Entregue pela entidade pela primeira vez em 2017, durante do XII Congresso Brasileiro de Medicina do Tráfego, realizado no Estado da Bahia, a láurea é destinada àqueles que tenham tomado iniciativas excepcionais em benefício da medicina do tráfego e do médico especialista.

Em 2021, Troféu Nils Bohlin foi destinado ao presidente da Abramet, Antonio Meira Júnior, em reconhecimento à sua atuação durante o debate das modificações no CTB. Engajado, ele liderou o grupo de dirigentes da entidade que fizeram o diálogo institucional com o Poder Legislativo, levando esclarecimentos e buscando o entendimento, essenciais para o reconhecimento da importância da medicina do tráfego pelos parlamentares. Meira Junior recebeu o troféu de Ricardo Irajá Hegele, coordenador técnico do XIV Congresso Brasileiro de Medicina do Tráfego.

Na mesma ocasião, o presidente da Abramet entregou ao colega de diretoria o troféu, destacando sua dedicação para a realização do mais importante evento do calendário da especialidade. Apanhados de surpresa, Meira e Hegele agradeceram o reconhecimento de seus pares.