Seja bem-vindo! Hoje é: domingo, 21 de Abril de 2024

Em São Paulo, Abramet discute políticas públicas para prevenção de sinistros de trânsito

| Notícias

Esquerda para direita: Lucas Papais (Diretor de Atendimento); Talita Nascimento (Diretora de Habilitação); Dirceu Diniz (Diretor da Abramet); José H. C. Montal (Presidente AbrametSP); Eduardo Aggio (Presidente DetranSP); Antonio Meira (Presidente AbrametBR); José Hott (Vice-Presidente DetranSP) e Aquilla Couto (Membro da Comissão de Pesquisas Abramet/Unifesp)

A Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet) reforçou sua parceira com o poder público do Estado de São Paulo com o objetivo de construir iniciativas que ampliem a prevenção a sinistros de trânsito no Estado. Em conversas na Secretaria de Saúde do governo de São Paulo, no Departamento de Trânsito de São Paulo (Detran-SP); e na Associação Paulista de Medicina (APM), dirigentes da entidade discutiram medidas a serem adotadas com vistas a reduzir os indicadores de morbimortalidade decorrentes de eventos indesejados de trânsito, especialmente aqueles responsáveis por sinistros fatais e geradores de sequelas.

“Foram conversas muito produtivas, no sentido de fortalecer a parceria que nossa entidade mantém com esses órgãos, tendo como objetivo a preservação da vida”, comentou o presidente da Abramet, Antonio Meira Júnior. Ele esteve acompanhado pelo presidente da federada da entidade em São Paulo, José Heverardo Montal, e pelo coordenador da Comissão de Micromobilidade da entidade, Áquilla dos Anjos Couto.

“Foi uma oportunidade de reforçarmos a importância da medicina do tráfego como orientadora de políticas públicas focadas na prevenção do sinistro”, afirmou Montal. “Para a nossa entidade, esse diálogo é muito importante e pode levar à medidas que tornem a mobilidade mais segura no Estado que registra praticamente um terço dos condutores e da frota de veículos do país, reduzindo o índice de sinistros”, aponto Couto.

Nesses encontros, a entidade pontuou iniciativas que podem ser adotadas com reflexos positivos sobre a segurança do trânsito e colocou-se à disposição para contribuir com a formulação. A delegação da Abramet foi recebida pela diretoria do Departamento de Trânsito do estado de São Paulo (Detran-SP): o presidente, Eduardo Aggio; o vice-presidente José Hott; a diretora de Habilitação, Talita Nascimento; e o diretor de Atendimento, Lucas Papais. “Foi um encontro muito produtivo, onde ficou demonstrada a afinidade da Abramet com o Detran-SP, entidades que têm o propósito comum de preservar a vida no trânsito, objetivo que fica fortalecido em benefício da população”, conta Montal.

Estratégias para reduzir a incidência de sinistros e aumentar a segurança dos usuários das vias também foram discutidas na APM. Os dirigentes da Abramet foram recebidos pelo presidente da instituição, José Luíz Gomes do Amaral; e sua equipe. “A Associação Paulista de Medicina tem muitas ações para os médicos no Estado de São Paulo. Essa reunião foi muito produtiva para levarmos mais informações sobre a medicina do tráfego e como podemos trabalhar juntos”, disse Aquilla Couto.

A direção da Abramet encerrou sua agenda institucional em São Paulo reunida com o secretário de Saúde do governo do Estado, Eleuses Paiva. Na ocasião, os dirigentes da entidade reafirmaram a disposição de atuar de forma conjunta pelo reforço das políticas de prevenção a sinistros e de atendimento nos casos de sinistros.

“Encontramos nesses interlocutores o compromisso com melhorias e esperamos avançar nessas parcerias”, comentou Meira Júnior. Segundo o presidente da Abramet, em tais encontros a entidade convidou tais interlocutores para o XV Congresso Brasileiro de Medicina do Tráfego, que será realizado em setembro, na cidade de Florianópolis.